Novo curso de especialização em análise de dados e pesquisas

A Faculdade Cesgranrio apresenta o presente Curso de Especialização em Análise de Dados Quali-Quanti de Pesquisas, para aprofundamento das competências e habilidades de coleta, tratamento e análise de dados primários e resultados de pesquisas, sejam elas de natureza quantitativa, qualitativa ou quasi-experimental. São apresentados conceitos básicos, as principais questões do debate acadêmico e os indicadores de diferentes domínios do conhecimento – Economia, População, Contexto Social, Meio-ambiente, Política etc-, assim como as principais pesquisas produzidas no país, os cadastros e fonte de dados de organizações públicas e as metodologias básicas de análise de dados estruturados e corpus de entrevistas.

No mundo contemporâneo, empresas, organizações públicas, organizações sociais, famílias e indivíduos são submetidos a um volume crescente e dinâmico de notícias, relatórios, dados e pesquisas sem condições, em muitas situações, de avaliar a confiabilidade, profundidade, implicações e mesmo a atualidade da informação veiculada. Não raramente uma informação equivocada, enviesada ou parcial, disponível em um meio digital acaba tendo mais repercussão pública do que um dado produzido em uma pesquisa consistente, veiculado em um relatório técnico qualificado. Enfim, a enorme produção de dados e rapidez no tráfego de informação são duas tendências que vieram para ficar nesse quadro de complexidade.

Avaliar a consistência e analisar mais profundamente a informação aportada é, pois, uma demanda muito presente e importante no processo de tomada de decisão em contexto organizacional e mesmo pessoal. Saber a referência original da informação, conhecer as fontes de dados primários, as principais pesquisas e estudos periodicamente produzidos, dispor de instrumentos para analisar a nota, notícia ou mensagem recebida é cada vez mais uma atividade crucial.

Ao final do curso de especialização, para certificação como Especialista em Análise de Dados, requer-se que o aluno desenvolva uma monografia sobre um dos assuntos  tratados nas disciplinas ou relacionados ao tema do curso, preferencialmente aplicado ao campo de trabalho do aluno.

Espera-se, assim, formar especialistas com sólida base de conhecimento na área, contribuindo para uso mais qualificado de dados, evidências e informações levantadas em pesquisas empíricas ou disponíveis em base de dados no processo de tomada de decisões nas organizações.

Inscrições: até 15 de abril
Entrevistas: 16 a 17 de abril
Resultado da seleção: 18 de abril
Início das aulas: 24 de abril

INVESTIMENTO:  24 parcelas mensais no valor de R$   900,00

INFORMAÇÕES: (21) 3505-9800

 INSCRIÇÕES pelo e-mail  faculdade.posgraduacao@cesgranrio.org.br por meio de formulário a ser enviado.

 

OBJETIVO DO CURSO:

Desenvolver e aprimorar nos alunos do curso as capacidades necessárias para coletar, tratar e analisar dados e resultados de pesquisas quantitativas e qualitativas, assim como cadastros e registros administrativos de organizações públicas, privadas e não-governamentais, em uma perspectiva plural, humana, ética e pós-positivista.

Mais especificamente, objetiva-se que o aluno, ao final do curso, possa:

  • Conhecer os principais conceitos, as questões centrais do debate contemporâneo e os indicadores para compreender a conjuntura econômica, o panorama demográfico, a mudança social e cultural, os efeitos de políticas públicas e contexto político do país;
  • Conhecer as principais pesquisas e publicações produzidas pelo IBGE, INEP, IPEA, PNUD, UNESCO e outras organizações, além dos cadastros e registros públicos organizados pelos Ministérios;
  • Conhecer, escolher e aplicar as técnicas de pesquisa e análise de dados mais apropriada para uma problemática específica;
  • Produzir relatórios analíticos de pesquisa em uma perspectiva ética, técnica-científica e pós-positivista.

 

PÚBLICO – ALVO:

Técnicos, Analistas, Pesquisadores, Gestores e Dirigentes no setor público – federal, estadual e municipal-, no setor privado e terceiro setor, envolvidos e, desejavelmente, com experiência com atividades de coleta, tratamento e análise de resultados de dados e pesquisas empíricas, para subsidiar processos organizacionais de sistematização de informação para a tomada de decisão.

 

CARGA HORÁRIA:

O curso será oferecido na modalidade presencial e tem carga horária total de 360 horas, composta por disciplinas obrigatórias e disciplinas optativas a serem cursadas em até 4 semestres letivos, além da elaboração e entrega do Trabalho de Conclusão do Curso (TCC).

As aulas se concentrarão às quartas e sextas-feiras, das 19h as 22h, complementadas com uma palestra mensal aos Sábados (9h as 12h) ou em dia da semana (preferencialmente das 19h as 22h), dependendo da disponibilidade do palestrante e programação das disciplinas.

 

PROCESSO SELETIVO

Para ingresso no curso, o candidato deverá ser aprovado em processo seletivo, dentro do número de vagas ofertadas, que contempla a avaliação curricular e realização de entrevista, para apreciação de interesses, formação e experiência no campo. Prevê-se uma turma de no máximo 35 ingressantes no curso.

Para participação no curso é necessário ter diploma de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

 

TITULAÇÃO

O título a ser conferido ao concluinte do curso será de “Especialista em Análise de Dados”. Caso o aluno conclua toda a carga didática das disciplinas mas não entregue o TCC dentro do prazo estipulado, ele poderá solicitar uma declaração de “Aperfeiçoamento em Análise de Dados”.

 

INVESTIMENTO

24 parcelas mensais no valor de R$   900,00 .

 

CORPO DOCENTE:

O corpo docente do curso reúne professores da Faculdade Cesgranrio e professores convidados de outras instituições, com titulação acadêmica e/ou experiência profissional no campo das Estatísticas Públicas, Análise de Dados, Métodos Estatísticos, Pesquisa Qualitativa e Métodos da Pesquisa Social.

Paulo Jannuzzi (Cesgranrio e ENCE/IBGE, Coordenador)

Glauco Aguiar (Cesgranrio)

Maria de Lourdes Sá Eaerp (Cesgranrio)

Wasmália Bivar (IBGE e PUC-Rio)

Antonio Carlos Alkmim (IBGE e PUC-Rio)

Maria Luiza Zacharias (IBGE e SCIENCE)

Nelson Senra (IBGE e IHGRJ)

Maurício Vasconcelos (IBGE e SCIENCE)

Paulo Mibieli de Carvalho (IBGE e UNESA)

Luiz Marcelo Carvano (Pesquisa Social)

Enrico Martignoni (Inteligência e Resultados em Políticas Publicas)

Outros professores convidados

ESTRUTURA CURRICULAR:

O curso compõe-se de um eixo básico de disciplinas obrigatórias e  comuns a todos os participantes e  outro conjunto de disciplinas optativas, definidas a partir da formação, interesse e projeto de pesquisa do aluno. A carga horária total é de 360 horas, envolvendo a realização de disciplinas, elaboração e entrega de Trabalho de Conclusão de Curso.

As disciplinas envolvem atividades presenciais com aulas expositivas, trabalhos em grupo e, eventualmente, exercícios à distância. As avaliações de disciplinas envolvem a elaboração de trabalhos, produção de textos ou listas de exercícios ou atividades. Em geral, as disciplinas são oferecidas sequencialmente, com conjunto de textos e material previamente indicado para os alunos.

No Eixo Básico, as disciplinas introduzem os principais conceitos, dimensões analíticas e variáveis da área; as questões centrais do debate acadêmico e societal e o conjunto básico de indicadores empregados para interpretação das tendências e perspectivas discutidas. Para entendimento do potencial e limitação dos indicadores na interpretação da realidade ou questão em análise são apresentadas as instituições, fontes de dados, pesquisas e registros de onde eles são produzidos.  Nesse eixo também são trazidas disciplinas que introduzem questões centrais acerca da produção de Conhecimento e da Ciência e as implicações éticas e políticas do uso, abuso e mau da informação técnica-científica.

No Eixo Temático, as disciplinas abordam metodologias e técnicas para tratamento e análise dos dados e pesquisas vistos anteriormente, instrumentalizando alunos para produção de conhecimento mais complexo, específico ou temático, a ser abordado no Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). A oferta das disciplinas temáticas dependerá de número mínimo de alunos matriculados para sua oferta.

As disciplinas terão atividades e exercícios a serem realizados pelo aluno, para avaliação de conhecimentos. Para aprovação na disciplina o aluno deverá:

  • Alcançar resultado igual ou superior a 7,0, calculado a partir da soma das notas nas atividades acima
  • Frequentar, no mínimo, 75% das aulas ministradas.

 

Eixo básico (240 horas):

  1. Conjuntura Econômica: conceitos, indicadores e pesquisas (30 h)
  2. Panorama Social e Demográfico: conceitos, indicadores e pesquisas (30h)
  3. Meio-ambiente e Desenvolvimento: conceitos, indicadores e fontes de dados (30h)
  4. Análise do contexto político e cultural: conceitos, indicadores e pesquisas (30h)
  5. Tecnociência e produção do conhecimento na pós-modernidade (30h)
  6. Gestão da Informação: do dado ao conhecimento (30h)
  7. Seminários Temáticos em Análise de Dados (30h)
  8. Estudo dirigido para elaboração do Trabalho de Conclusão do Curso (30h)

 

Eixo temático (120 horas) – (4 disciplinas)

  1. Metodologia qualitativa I: estratégias multi-métodos de pesquisa (30h)
  2. Metodologia qualitativa II: oficinas de etnografia, grupo focal e entrevista (30h)
  3. Análise Estruturada de Textos em Pesquisas Qualitativas (30h)
  4. Métodos quantitativos I: mineração de dados e análise descritiva (30h)
  5. Métodos quantitativos II: modelagem estatística (30h)
  6. Introdução ao Planejamento de Pesquisas Quantitativas (surveys) (30h)
  7. Desenho e análise de Pesquisas Quasi-experimentais (30h)
  8. Tópicos especiais em Pesquisa Quali-Quanti (30h)

 

 

EMENTAS DAS DISCIPLINAS:

  • Conjuntura Econômica: conceitos, pesquisas e indicadores

Principais conceitos, métodos e informações utilizados na análise da conjuntura econômica, de modo viabilizar a reflexão e o debate sobre temas relevantes e atuais da economia brasileira. Nível de Atividade Econômica/PIB, Emprego e Renda, Consumo e Contas Públicas, Inflação Setor externo/ BP, Política Monetária e Creditícia

  1. Panorama Social e Demográfico: conceitos, pesquisas e indicadores

Principais conceitos para Análise da Mudança Social e Demográfica. Políticas Públicas, programas e projetos. Principais fontes de dados e pesquisas. Indicadores sociais e demográficos. Principais Índices Sociais e Relatórios de Avaliação. Crescimento Populacional e Bem-Estar Social. Big data e a produção de informação socio-demográfica.

  1. Meio-ambiente e Desenvolvimento : conceitos, fontes de dados e indicadores

População, consumo e meio-ambiente; Principais conceitos para compreensão da questão ambiental; Estatísticas e indicadores ambientais – os principais arcabouços e fontes de dados no Brasil; Análise de estatísticas selecionadas; Uma perspectiva internacional – Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

  1. Análise do contexto político e cultural: conceitos, fonte de dados e indicadores

O conceito de representação política e suas limitações. Representação e participação. Federalismo. Eleições presidenciais no Brasil a partir de 1989 até 2018. Análise geográfica dos indicadores eleitorais e sua relação com indicadores sociais, econômicos e demográficos. Indicadores culturais. Infraestrutura cultural no Brasil. A nova sociedade virtual, seus impactos e contraponto com as mídias tradicionais.

  1. Tecnociência e construção do conhecimento na pós-modernidade

Conhecimento e suas diferentes manifestações. Ciência e Método Científico. Tecnociência. Métodos Quantitativos e Qualitativos na produção do conhecimento tecnocientífico. Ética na pesquisa.

  1. Gestão da Informação: do dado ao conhecimento

Conceitos básicos de Gestão do Conhecimento e Informação. Processos de extração, transformação e armazenamento de dados e informações. Principais ferramentas para o tratamento, armazenagem e divulgação de dados e informações.

  1. Seminários Temáticos em Análise de Dados

Apresentação de estudos de caso, pesquisas, experiências aplicadas em Análise de Dados nas temáticas tratadas no curso por professores, palestrantes convidados, voltados aos alunos e outros possíveis interessados.

  1. Estudo dirigido para elaboração do Trabalho de Conclusão do Curso

Orientação metodológica para a elaboração do trabalho de conclusão do curso. Estrutura do trabalho acadêmico e suporte à construção do anteprojeto de pesquisa. Projeto de pesquisa. Relatório de Pesquisa. Normas da ABNT.

  1. Metodologia qualitativa I: estratégias multi-métodos de pesquisa

Introdução aos métodos de pesquisa. Características, limitações e potencialidades de cada método. Pesquisa qualitativa: observação, entrevista, grupo focal. Pesquisa quantitativa: pesquisa de campo e registros administrativos.

  1. Metodologia qualitativa II: oficinas de etnografia, grupo focal e entrevista

Etnografia e observação participante; Aprofundamento na Entrevista e Moderação de Grupo Focal; Estudos de caso. Grounded theory, análise do discurso; qualitative-comparative analysis (QCA). Produção do relatório de pesquisa qualitativa.

  1. Análise Estruturada de Textos em Pesquisas Qualitativas

Análise de Conteúdo. Diferentes tipos de corpus: entrevistas, documentos, reportagens. Etapas da análise estruturada. Codificação do corpus. Mapa Cognitivo. Uso de aplicativos para análise estruturada.

  1. Métodos quantitativos I: mineração de dados e análise descritiva

Estatísticas descritivas, métodos exploratórios e técnicas heurísticas.  Análise não paramétrica de tabelas de contingência. Introdução à Inferência Estatística.  Pacotes estatísticos e introdução à programação em R.

  1. Métodos quantitativos II: modelagem estatística

Análise de Correlação e Variância. Teste de Hipóteses. Regressão linear simples e múltipla. Introdução às principais técnicas multivariadas e suas aplicações.

 

  1. Introdução ao Planejamento de Pesquisas Quantitativas (surveys)

 

Etapas da elaboração de um survey. Métodos de coleta. Escalas de mensuração. Noções de amostragem. Técnicas para elaboração de questionários. Trabalho de campo e supervisão. Processamento e verificação da qualidade dos dados. Sumarização e apresentação de dados  Diretrizes para elaboração de gráficos,  tabelas e relatórios de resultados de pesquisas.

  1. Desenho e análise de Pesquisas Quasi-experimentais

Experimento e Quasi-experimento. Causalidade.  Modelos econométricos. Propensity score. Análise de resíduo. Interpretação de resultados. Questões éticas relacionadas.

  1. Tópicos especiais em Pesquisa Quali-Quanti

Temas da atualidade no campo da Análise de dados, apresentados por professores e especialistas convidados, para complementação de conteúdos.

EM BREVE, MAIS INFORMAÇÕES